Carrinho

O Filho da Empregada

R$30.00

O livro traz textos que falam de coisas que vivemos nas quebradas do mundaréu, seja em São Paulo ou onde for, periferia é periferia em qualquer lugar.

Alguns contos são tristes e trágicos, outros mostram superação, mas todos trazem verdade.

 

 

Em estoque

QUANTIDADE:
Comparar
REF: Código 978.853.E12-1-2 Categoria:

O título da obra é o conto que abre o livro. E também é uma homenagem do autor a sua mãe Luzia Buzo, que foi doméstica e a todas as empregadas domésticas espalhadas por esse Brasil.

Chamou duas mulheres pra prefácio e orelhas, Mayara Silva de Souza é poeta, advogada recém formada e filha de empregada, morou anos no quarto da mãe na casa dos patrão, assina o prefácio.

E as orelhas são assinadas pela cantora do litoral, Joyce Preta Rara que encabeça o “Eu, Empregada Doméstica”, precisa falar mais nada.

Somos a contra indicação, favelado com livro na mão.

Além de 13 livros em 17 anos, Alessandro Buzo organizou ainda outros dez: 6 edições do “Pelas Periferias do Brasil” e 4 edições do “Poetas do Sarau Suburbano”, além de ter atuado na TV por 6 anos e ser diretor do filme “Profissão MC”.

No momento realiza seu segundo filme: Fui!

E escreve seu primeiro livro só de poesia, sai ainda em 2017 e irá se chamar: É Tipo… Poesia.

Mora em São Sebastião-SP há um ano, mas está em São Paulo sempre que a agenda chama, sua base é o Bixiga, onde mantém há 10 anos a Livraria Suburbano Convicto, casa do Sarau Suburbano que realiza no local toda segunda-feira.

Os pedidos são bem embalados e postados nos correios até 48 horas após confirmação do pagamento. Prazos de entrega estabelecidos pelos correios. Você recebera o número de rastreamento via e-mail.

 

Peso 0.200 kg
Dimensões 15 × 21 × 5 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “O Filho da Empregada”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading...